• Página Inicial
  • Notícias

Exposição "Cavalo-Marinho, o rei das águas!"

Iniciativa do Clube do Ambiente pretende assinalar o Dia Mundial do Ambiente

O Dia Mundial do Ambiente é celebrado todos os anos a 5 de junho. Este dia especial tem como objetivo alertar para a necessidade de salvar o ambiente e promover ações de proteção e preservação da Natureza. O Clube do Ambiente não podia deixar de comemorar este dia. Assim, os pequenos ecologistas do Clube convidaram as suas famílias a pintar lindos cavalos-marinhos para alertar para o risco de extinção em que se encontram estes animais!

Os cavalos-marinhos medem até 25 centímetros, vivem cerca de 5 anos em pradarias marinhas e águas costeiras pouco profundas. Podem ser encontrados no Atlântico Nordeste e mares do Norte e Mediterrâneo. Comem pequenos moluscos, vermes, crustáceos e plâncton. Os cavalos-marinhos não são bons nadadores e usam a cauda preênsil para se segurar a algas, ramos e até estruturas artificiais. Podem girar os olhos de forma independente, o que é útil para procurar alimento. São caçadores «por emboscada», sugando as presas, pequenos crustáceos, com a sua boca em forma de tubo. Formam casais que duram toda a vida e durante a época de reprodução encontram-se logo pela manhã, para iniciar a sua elaborada «dança». O macho faz movimentos circulares ao redor da fêmea, nadando os dois ao longo da coluna de água, formando uma espiral. A fêmea transfere os ovos para o macho, que os fertiliza na sua bolsa, permanecendo em incubação durante cinco semanas. No final, o macho contrai repetidamente a barriga até libertar dezenas de pequenos juvenis.

As pradarias marinhas são um dos ecossistemas mais ameaçados. Cerca de 30% das pradarias marinhas desapareceram no último século. As principais ameaças a este ecossistema são a pesca, a poluição, as alterações climáticas e as atividades humanas. O Cavalo-marinho é uma espécie que se encontra ameaçada devido à degradação do seu habitat natural. É urgente preservar este animal! E podemos fazê-lo com pequenos gestos como a redução do plástico descartável que consumimos diariamente, entre muitas outras atitudes ecológicas!

A exposição dos cavalos-marinhos pintados pelas famílias dos alunos do Clube do Ambiente encontra-se no átrio a partir de 6 de junho, não deixe de visitar!

Redes Sociais